SEX, 16 de dez / 2016

Metalúrgicos da CUT defendem escolha dos caça suecos para desenvolver indústria brasileira

CNM/CUT desmente acusação de que o ex-presidente Lula teria tentado se beneficiar com a opção do governo pelo modelo fabricado pela Saab Scania.

Crédito:  Per Kustvik
-
Primeiro caça será entregue em 2019

Em mais uma manobra para tentar impedir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de vir a ser candidato à Presidência da República em 2018, o Ministério Público Federal de Brasília o acusou ter se beneficiado com a compra de 36 caças do modelo sueco Gripen pelo governo brasileiro. O processo de escolha dos aviões suecos para a Força Aérea Brasileira (FAB) se deu entre 2013 e 2015, quando Lula já não era mais presidente.

A escolha dos caças supersônicos produzidos pela Saab foi defendida pelos metalúrgicos da CUT porque garantia a geração de empregos de alta qualificação no Brasil, uma vez que foi assegurada a transferência da tecnologia e a produção de parte dos aviões em unidades no país. A vencedora da concorrência do Ministério da Defesa disputava ainda com a norte-americana Boeing e a francesa Dassault.

“Era a única que assegurava empregos e produção no Brasil. Além disso, temos uma ligação de solidariedade com o IF Metall (sindicato metalúrgico da suécia), e foi possível intensificar lutas conjuntas para assegurar os mesmos direitos aos trabalhadores da Saab Scania nos dois países”, afirmou o presidente da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT), Paulo Cayres. "Inclusive, foi a primeira vez que os metalúrgicos discordaram do ex-presidente Lula, que demonstrava preferência pelos caças Rafale", lembrou. 

Para o vice-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Aroaldo Oliveira da Silva, essas investigações recentes contra a escolha dos caças ameaçam o desenvolvimento do projeto e a vinda da fábrica para São Bernardo do Campo (SP). “O projeto dos caças Gripen significa empregos de alta qualificação e é fundamental para o desenvolvimento da alta tecnologia nacional. Temos o setor automotivo consolidado na região. Ao incentivar a diversificação da produção das empresas, o objetivo é fortalecer as indústrias e os empregos aqui no ABC”, destacou. 

Crédito: Tribuna Metalúrgica
-
 

Os caças
A compra dos 36 caças Gripen NG foi assinada pela Força Aérea Brasileira em outubro de 2014. A primeira aeronave deverá ser entregue em 2019 e a última, em 2024. O investimento total será de aproximadamente R$ 13 bilhões.

A produção dos aviões será em Gavião Peixoto, no interior de São Paulo, onde está estabelecida uma planta da Embraer. Já São Bernardo do Campo sediará fábrica de peças para os caças. 

Os supersônicos são aeronaves que voam acima da velocidade do som, ou seja, a mais de 1.255 km/h. O modelo Gripen NG da Saab pode atingir 4 mil km/h. Quando entrar em serviço na FAB, será o único caça do hemisfério Sul capaz de voar a velocidades supersônicas por longas distâncias.

Saiba mais:
Caças suecos: metalúrgicos da CUT querem direitos do acordo internacional da Saab

Brasileiros iniciam participação no projeto do caça Gripen NG

CNM/CUT reafirma parceria sindical com metalúrgicos da Suécia

CNM/CUT recebe sindicalistas suecos e estreita relações com o IF-Metall

Saab investirá US$ 150 milhões em fábrica no Brasil

(Fonte: Assessoria de Imprensa da CNM/CUT, com informações do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC)

Com a Palavra

TER, 07 de jul / 2020

O resgate do setor de ferramentaria

Por José Roberto Nogueira da Silva, o Bigodinho Coordenador do Segmento Automotivo da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT)

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Nota Técnica 238 - reconversão industrial diante da pandemia da Covid-19

Nota Técnica 238 - reconversão industrial diante da pandemia da Covid-19 - Edição Nº
14 de mai / 2020

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700