SEG, 19 de abr / 2010

Alcoa ganha mercado com rodas forjadas de alumínio

No ano passado 12% dos veículos pesados vendidos no mercado brasileiro saíram de fábrica equipados com rodas forjadas de alumínio Alcoa importadas do México. O objetivo da empresa, de acordo com Eduardo Lacerda, superintendente da divisão de rodas forjadas de alumínio, é aumentar a fatia pra 18% até o fim de 2012, ano em que entrarão em vigor as novas legislações de emissão Euro 5.

"O novo limite de emissão demandará redução de peso dos veículos e poderá ajudar a aumentar a nossa presença no mercado."

De janeiro a março a Alcoa vendeu cerca de 10 mil unidades do produto no mercado brasileiro, crescimento de 335% sobre o volume do mesmo período do ano passado, que apresentou patamar baixo por conta da crise - as vendas começaram a se recuperar a partir do segundo semestre. A projeção de Lacerda é incremento de 25% nas vendas em 2010, mas prefere não divulgar o resultado total de 2009.

Lacerda diz que a Alcoa colhe hoje o fruto das campanhas de divulgação de seus produtos aos frotistas iniciadas há três, quatro anos, quando passou a mostrar os benefícios das rodas forjadas de alumínio aos clientes. A divisão possui quarenta pontos de venda espalhados por catorze estados brasileiros, com mais de cem profissionais.

Segundo ele seus produtos são 50% mais leves que os de aço e, por serem forjados, são mais resistentes: "Os frotistas precisam reduzir o peso para carregar mais carga e consumir menos combustível. Quando fazem as contas chegam à conclusão que nossos produtos possuem melhor custo-benefício".

O executivo vê muito potencial no crescimento dos mercados brasileiro e sul-americano nos próximos anos, pois a Copa do Mundo e as Olimpíadas devem alavancar as vendas de caminhões, ônibus e carretas. Mas diz ainda ser prematuro a nacionalização do produto: "Temos que fazer a lição de casa antes de pensar em produção local".

Fonte: Autodata

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700