SEG, 14 de fev / 2011

Boeing lança novo jumbo 40 anos após chegada do 747

A Boeing lançou no domingo um novo jumbo, esperando reviver o glamour do nascimento do modelo 747 de 40 anos atrás e usar isso para acelerar suas vendas.

O 747-8 Intercontinetal terá capacidade para 467 passageiros, 51 a mais que a versão atual do jato, e vai consumir menos combustível, afirmou a fabricante.

"De todos os aviões que nós já construímos, há um que é mais identificado com a Boeing que qualquer outro, e é o 747", disse James Albaugh, diretor da unidade de aviões comerciais da Boeing. Ele apresentou o aparelho para uma multidão de quase 10 mil funcionários da Boeing, familiares e um grupo de notáveis da indústria.

O evento ocorreu no mesmo hangar da fábrica da Boeing em Everett, próxima de Seattle, que apresentou o primeiro jumbo da empresa em 1968. Joe Sutter, engenheiro-chefe do jumbo original da Boeing e conhecido como "pai do 747" estava presente.

O novo avião, pintado de vermelho e branco ante o azul costumeiro da Boeing, foi lançado quase 42 anos depois do voo inicial do 747, que se tornou o jato de passageiros mais conhecido do mundo e transformou a indústria global de viagens.

O evento marcou a primeira aparição do modelo radicalmente diferente da primeira versão do jumbo, com cabine de dois andares e 69 metros de envergadura.

O 747 perdeu sua coroa de maior jato comercial do mundo quando a Airbus lançou em 2005 o A380, um superjumbo com 525 assentos. Mas o modelo da Boeing, com 19 pés mais longo que seus predecessores, será o mais comprido.

O 747-8, com preço de tabela de 317,5 milhões de dólares, também tem novas asas, uma nova cauda, motores de ponta e nova cabine que tornam o modelo, segundo a revista especializada Flight International, "irreconhecível em relação ao primeiro jumbo".

Entretanto, o grande ainda não é bonito para as vendas da Boeing. Apesar das expectativas da empresa de assegurar mais tempo de vida para a família 747, a Boeing até agora conseguiu 33 encomendas da versão 747-8 para passageiros, incluindo pedidos feitos pelas empresas Lufthansa e Korean Air Lines.

A primeira entrega será para um cliente VIP não identificado, e não para uma companhia aérea, no final deste ano. Mas a Boeing afirmou que está confiante de que vai conseguir novos pedidos quando o avião entrar em serviço.

Fonte: O Estado de S.Paulo

Com a Palavra

QUI, 19 de jul / 2018

Afaste de mim este cale-se

*Luiz Inácio Lula da Silva

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700