SEX, 01 de abr / 2011

CSN: meta de venda de aço em 2011 é de 4,8 milhões de toneladas

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) tem meta de vendas de aço em 2011 de 4,8 milhões de toneladas. No acumulado do ano passado, houve expansão de 28% no volume vendido do insumo, para 4,1 milhões de toneladas.

Para o minério de ferro (incluindo 100% de participação na Namisa), a projeção é de 30 milhões de toneladas em 2011 e de 40 milhões de toneladas em 2012. No acumulado de 2010, o volume comercializado de minério cresceu 13%, para 25,3 milhões de toneladas. Considerando a participação de 60% que CSN tem de fato na Namisa, a venda de minério em 2010 foi de 18,6 milhões de toneladas.

A expectativa da companhia é de que os preços do minério de ferro sejam mantidos em 2011 em patamar semelhante ao dos últimos dois ou três trimestres, de acordo com o diretor executivo de Relações com Investidores da siderúrgica, Paulo Penido.

Os investimentos previstos para a CSN em 2011 somam R$ 5 bilhões, incluindo todas as áreas de atuação. Mais cedo, a companhia informou que os aportes para mineração, este ano, serão de R$ 2,4 bilhões. Penido disse ainda que a companhia pretende aumentar sua participação no mercado europeu de aço.

Fonte: Agência Estado

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700