TER, 23 de out / 2018

Marina Silva declara apoio a Haddad e alerta para perigo Bolsonaro

A fundadora da Rede e ex-candidata Marina Silva, declarou hoje (22) apoio à candidatura de Fernando Haddad (PT). Ela reafirmou que seu partido recomenda "que não votem em Bolsonaro (PSL), pelo perigo que sua campanha anuncia contra a democracia, o meio ambiente, os direitos civis e o respeito à diversidade existente em nossa sociedade".

O texto de apoio da ex-ministra do Meio Ambiente veio a seis dias do segundo turno das eleições 2018, que será decidido entre o petista, que reúne apoio do campo democrático, e o capitão da reserva, que representa a extrema-direita.

Marina, que ficou em terceiro lugar nas eleições de 2014, reconhece o baixo desempenho ao disputar pela terceira vez a Presidência neste ano e afirma que "a importância de minha manifestação, em uma lógica eleitoral restrita, é puramente simbólica. Mas é meu dever ético e político fazê-la". Ela faz críticas ao PT e reafirma apoio à Operação Lava Jato.

Entretanto, ressalta que Bolsonaro é um iminente perigo para o país. "É um risco imediato para três princípios fundamentais da minha prática política: primeiro, promete desmontar a estrutura de proteção ambiental conquistada ao longo de décadas, por gerações de ambientalistas, fazendo uso de argumentos grotescos, tecnicamente insustentáveis e desinformados", disse.

"Bolsonaro chega ao absurdo de anunciar a incorporação do Ministério do Meio Ambiente ao Ministério da Agricultura. Com isso, atenta contra o interesse da sociedade e o futuro do país. Ademais, desconsidera os direitos das comunidades indígenas e quilombolas, anunciando que não será demarcado mais um centímetro de suas terras, repetindo discursos que já estão desmoralizados e cabalmente rebatidos desde o início da segunda metade do século passado."

A fé cristã também norteia o posicionamento de Marina. "Muitos parecem esquecer, mas Jesus foi severo em palavras e duro em atitudes com os que têm dificuldade de entender o mandamento máximo do amor. É um engano pensar que a invocação ao nome de Deus pela campanha de Bolsonaro tem o objetivo de fazer o sistema político retornar aos fundamentos éticos orientados pela fé cristã que são tão presentes em toda a cultura ocidental. A pregação de ódio contra as minorias frágeis, a opção por um sistema econômico que nega direitos e um sistema social que premia a injustiça, faz da campanha de Bolsonaro um passo adiante na degradação da natureza, da coesão social e da civilização", diz.

Agradecimento
Haddad se manifestou sobre o apoio em sua conta no Twitter. "O voto de Marina Silva me honra por tudo que ela representa e pelas causas que defende. Nossa convivência em Brasília como ministros foi extremamente produtiva e até hoje compartilhamos amizades de queridos brasileiros e brasileiras devotados à causa pública. Esse reencontro democrático me enche de orgulho. Avante!"

Outro apoio inusitado veio do folclórico candidato da Democracia Cristã, José Maria Eymael. Ele pautou sua campanha na crítica ao PT, mas após vazar um vídeo do filho de Bolsonaro, Eduardo, afirmando que fecharia o Supremo Tribunal Federal (STF), ele se posicionou em apoio a Haddad no que chamou de pacto nacional pela democracia.

"A afirmação publicada ontem, do Deputado Federal eleito pelo PSL em São Paulo, Eduardo Bolsonaro e considerada GOLPISTA pelo Decano do STF, Ministro Celso de Melo, de que BASTA UM SOLDADO E UM CABO PAR FECHAR O STF, afasta qualquer possibilidade de neutralidade! Proponho ao Candidato a Presidente, Fernando Haddad, que ULTRAPASSE as fronteiras do PT e firme, com as Lideranças Político Partidárias Democráticas do País, o PACTO NACIONAL PELA DEMOCRACIA NO BRASIL!"

(Fonte: Rede Brasil Atual)

Com a Palavra

QUA, 24 de out / 2018

Pelo direito de discordar

Maicon Vasconcelos*

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700