SEG, 09 de mar / 2009

Número de mulheres ao volante cresceu 44% nos últimos quatro anos

O número de mulheres com habilitação para dirigir automóveis cresceu 44% entre dezembro de 2004 e dezembro de 2008, segundo pesquisa divulgada na sexta-feira (6) pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). E o número de mulheres motociclistas aumentou 50% nestes quatro anos.

Segundo dados do Denatran, em 2004 o país tinha 10.374.385 de mulheres habilitadas. Já em dezembro de 2008 o total chegou a 14.999.114. Este número representa 33% do total de condutores habilitados pelo Registro Nacional de Carteiras de Habilitação (Renach). Em relação às mulheres com habilitação "A", necessária para a condução de motocicletas, o departamento registra 2.534.242 de motociclistas, 50% a mais que em 2004.

Menos acidentes com vítimas

A pesquisa revelou ainda que dos condutores envolvidos em acidentes de trânsito com vítimas, ocorridos de 2004 a 2007, apenas 11% eram mulheres. De acordo com o levantamento, 1.702.738 de condutores estiveram envolvidos em 1.574.829 acidentes de trânsito com vítimas registrados nesse período.

Considerando a média de condutores envolvidos identificou-se que 71% eram homens, 11% mulheres e 18% não informados.

Fonte: G1

Com a Palavra

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700