SEG, 14 de jul / 2014

ZF negocia aquisição da TRW

A alemã ZF, especialista na produção de sistemas de direção, embreagens, eixos e transmissões, fez proposta preliminar para aquisição da americana TRW, a maior fabricante de sistemas de segurança veicular do mundo (airbags, sitemas de freios, ABS e cintos de segurança, entre outros), segundo informações da agência de notícias Bloomberg divulgadas esta semana. Caso a negociação se confirme, a ZF poderá se tornar a segunda maior fabricante de autopeças do mundo, com faturamento anual em torno de US$ 40 bilhões.

Em comunicado, a ZF informa que conversa com a TRW sobre uma possível oferta, mas diz que nenhuma decisão foi tomada. A TRW, por sua vez, confirma a proposta sem identificar o potencial comprador. “A empresa está avaliando a proposta recebida, bem como outras alternativas estratégicas que possam aumentar o valor do acionista. Não há garantia de que as negociações possam levar a um acordo”, anunciou a TRW.

Com a aquisição da TRW, a ZF passaria a ter domínio da tecnologia de sensores de airbags. A ZF é especializada na fabricação de autopeças para veículos pesados. Enquanto a TRW foca mais nos leves. A TRW faturou US$ 17,4 bilhões no ano passado. A ZF, US$ 22,9 bilhões.

Embora nenhum valor ainda tenha sido divulgado, fonte ligada à negociação disse à Bloomberg que a ZF teria oferecido entre US$ 11 bilhões e US$ 12 bilhões para assumir o controle da empresa. Para o analista Ivan Feinseth, da Tigress Financial Partners, é uma cifra baixa. “Sentimos que a TRW vale muito mais e seria uma aquisição estratégica para uma série de outros fabricantes de autopeças”, avaliou. Feinseth diz que cada ação da TRW pode valer entre US$ 120 e US$ 135 e que a empresa poderia ser avaliada em cerca de US$ 15 bilhões.

Com o anúncio da negociação, as ações da TRW na Bolsa de Nova York subiram 8% na última quinta-feira  (10) e fecharam em US$ 98,91, recorde histórico. A esse preço, a TRW teria valor de mercado de US$ 11 bilhões .

A ZF é a nona maior fabricante de autopeças do mundo e a TRW, a 11ª, segundo ranking de faturamento publicado pela Automotive News no fim do ano passado. Juntas, como única companhia, ZF e TRW poderão ultrapassar a japonesa Denso, que faturou US$ 35,8 bilhões em 2013, mas ainda sim ficariam na segunda posição do ranking, atrás da alemã Robert Bosch, a maior empresa de autopeças do mundo.

O principal cliente da TRW é Volkswagen, que respondeu por 24,7% das vendas da empresa no ano passado, seguida pela Ford, com 18,5%. O maior mercado para a fabricante no ano passado foi a Europa, com 40,8% da receita, seguida pela América do Norte, com 35,6%.

Concorrência com a Bosch
Além de disputar o posto de maior fabricante de autopeças do mundo, esta possível nova companhia, nascida da junção entre TRW e ZF, poderá gerar conflitos maiores com a Bosch.

Isso pode acontecer porque a ZF já mantém joint venture em partes iguais com a Bosch, a ZF Lenksysteme, para a produção de sistemas de direção. Por enquanto, nada sobre a ZF Lenksysteme foi publicado após o anúncio da negociação entre ZF e TRW. 

(Fonte: Automotive Business)

Vídeos

Vídeos TVT

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

Folha Metalúrgica - Porto Alegre

Folha Metalúrgica - Porto Alegre - Edição Nº 336
30 de out / 2017

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700