SEX, 04 de set / 2020

Grito dos Excluídos chega a 26ª edição no próximo dia 7

O diretor executivo dos Metalúrgicos do ABC, Carlos Caramelo, destacou a importância da solidariedade e da unidade em defesa de uma sociedade mais justa e igualitária

Crédito: Divulgação
Grito dos Excluídos
Grito dos Excluídos 

No dia 7 de setembro, será realizado o 26º Grito dos Excluídos “Vida em Primeiro Lugar - Basta de miséria, preconceito e repressão! Queremos trabalho, terra, teto e participação!”.

Na pauta estão a luta por conquistas e pela garantia dos direitos já conquistados e a discussão sobre as estruturas opressoras e excludentes da sociedade, que aumentam a miséria e a desigualdade social. Em plena pandemia, o grito é também pelo direito à saúde pública de qualidade e pela valorização do SUS (Sistema Único de Saúde).

O diretor executivo dos Metalúrgicos do ABC, Carlos Caramelo, destacou a importância da solidariedade e da unidade.

“O Grito dos Excluídos é de todos e todas que lutam por uma sociedade mais justa e igualitária, na defesa de políticas públicas de proteção social e da dignidade das pessoas, com emprego, moradia e inclusão. A união dos trabalhadores, movimentos sociais e populares reforça a nossa luta por uma sociedade cidadã, que olha para as pessoas do país”, afirmou.

Crédito: Adonis Guerra
Grito dos Excluídos
Grito dos Excluídos 

A coordenação do Grito informou que haverá mobilizações de ruas, com os cuidados necessários, mas também rodas de conversas e atos pelos meios digitais. Também indica a colocação de panos pretos e cartazes nas portas e janelas no dia 7 de setembro. Confira mais no site gritodosexcluidos.com.

A proposta do Grito surgiu em 1994 no Brasil, sendo a primeira edição realizada em 1995 com o objetivo de aprofundar o tema da Campanha da Fraternidade e responder aos desafios na 2ª Semana Social Brasileira, da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). Em 1999, o Grito estendeu-se para as Américas.

*matéria publicada no site do sindicato

Com a Palavra

SEX, 11 de set / 2020

A Volta da Carestia

Escrito por Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

O Metalúrgico

O Metalúrgico - Edição Nº 15/07/2020
15 de jul / 2020

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700