TER, 15 de jun / 2021

Sindicato discute futuro da Toyota e trabalhadores aprovam PLR maior que no ano passado

Metalúrgicos do ABC pretendem iniciar processo de negociação amplo para que a planta de São Bernardo continue competitiva e importante dentro do grupo

Crédito: Adonis Guerra
Assembleia na Toyota
Assembleia na Toyota

Em assembleia realizada na última sexta-feira, 11, os trabalhadores na Toyota, em São Bernardo, aprovaram o valor de PLR (Participação nos Lucros e Resultados) e a renovação do banco de horas do administrativo, negociados pelo Sindicato.

O diretor administrativo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (SMABC), Wellington Messias Damasceno, que acompanha as discussões na empresa, reforçou que mesmo diante de um cenário difícil e sem produção de veículos na planta, os trabalhadores conquistaram um valor de PLR maior que no ano passado, o que mostra reconhecimento pelo esforço que fizeram.

“Os trabalhadores aguardavam um retorno, um reconhecimento da direção por todo esforço que fizeram ao longo dos últimos anos, tanto em relação ao INPC quanto em relação à própria PLR, entendendo as dificuldades e dando sinais concretos para Toyota de que essa fábrica é viável. Esse aumento é importante dada a conjuntura pela qual o país atravessa, sobretudo as dificuldades pelas quais passa o setor automotivo”.

Futuro

Na oportunidade, o dirigente também conversou com os trabalhadores sobre os investimentos que garantirão o futuro da fábrica na região.

“Começamos esse debate a partir do momento em que foi feita a negociação de transferência do administrativo para Sorocaba. Essa é a principal discussão que estamos tendo com a direção da planta em São Bernardo para garantir o futuro dessa fábrica, não nos próximos três anos, mas nos próximos 10, 15 anos. É preciso discutir qual o futuro dessa fábrica, quais investimentos ela vai receber, já que os investimentos anunciados são insuficientes”, destacou.

Wellington reforçou que a proposta do Sindicato é iniciar um processo de negociação amplo que garanta a continuidade da planta em São Bernardo para que ela seja competitiva e importante dentro do grupo Toyota.

“Queremos que essa seja uma planta competitiva com viabilidade, com produtos e maquinários novos. Essa poderia ser uma planta de componente para produzir para o Brasil e exportar para outros mercados globais onde a Toyota tem produção. Se a empresa vai de fato migrar para eletrificação de veículos, temos condições e mão de obra qualificada para atuar no segmento”.

Campanha de solidariedade

O dirigente conversou com os trabalhadores sobre a importância do envolvimento na campanha de solidariedade promovida pelo Sindicato para ajudar as famílias mais necessitadas que tiveram sua situação financeira agravada com a pandemia.

“Os trabalhadores na Toyota sempre foram participativos e atuantes na luta, com o DNA dos metalúrgicos, e nessa hora não podem ficar de fora. A inflação tem impactado muito, a gente percebe a aumento de pessoas pedindo nos faróis, morando em beira de rio, debaixo de viadutos e muitos desses são trabalhadores que perderam emprego e passaram a não ter condições de manter sua casa, pagar seu aluguel e não tem outra coisa a fazer a não ser se abrigar na rua. Sermos solidários é também dar oportunidades para que essas pessoas possam atravessar esse momento difícil”.

*Matéria publicada no site do SMABC

 

Com a Palavra

TER, 16 de fev / 2021

Por que é necessário nacionalizar a Ford e criar uma montadora brasileira?

Escrito pelo diretor executivo do Sindicato e presidente do Industriall-Brasil, Aroaldo Oliveira da Silva, e pelo presidente da Central de Cooperativas Unisol Brasil e diretor da Unicopas, Leonardo Pinho

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

383 - ASSEMBLEIA GERAL VIRTUAL APROVA PROPOSTA DE REAJUSTE | Cláusulas Sociais estão renovadas até 2022

383 - ASSEMBLEIA GERAL VIRTUAL APROVA PROPOSTA DE REAJUSTE | Cláusulas Sociais estão renovadas até 2022 - Edição Nº SET/2020
25 de set / 2020

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700