TER, 11 de mai / 2021

SMetal debate desenvolvimento com Prefeito de Araçariguama

Representantes do SMetal estiveram com o prefeito Rodrigo Andrade para conversar sobre desenvolvimento industrial e urbano como forma de fortalecer a economia, o emprego e a renda na região

Crédito: Caroline Queiróz/ Imprensa Smetal
Reunião da direção com governo
Reunião da direção com governo

Representantes do Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) estiveram na tarde desta terça-feira, 11, na Prefeitura de Araçariguama para debater com o prefeito, Rodrigo Andrade (PROS), sobre o desenvolvimento econômico na região. Participaram da conversa o presidente do SMetal, Leandro Soares, o secretario de organização da entidade, Izídio de Brito, além do dirigente sindical Roberto Rodrigues de Lima e o assessor Paulo Henrique Soranz.

O prefeito pontuou que a infraestrutura viária é, hoje, uma das principais pendências do município paulista. Na visão dele, o investimento na pavimentação geral do território araçariguamense pode contribuir para o desenvolvimento e, consequentemente, gerar emprego e renda para a população.

Leandro Soares, presidente do SMetal, recordou da importância da metalurgia para a cidade. “A indústria metalúrgica está diretamente ligada a diversos postos de trabalho em Araçariguama. Nessas empresas, o SMetal preza pelo diálogo e conversa como forma de manter e gerar mais empregos para os moradores da região”, explica Leandro.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que o município hoje tenha cerca de 22 mil habitantes. Desses, 3.772 são trabalhadores da indústria e, pelo menos 1566, fazem parte do segmento metalúrgico. Os dados organizados pela subseção do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) dos Metalúrgicos de Sorocaba mostram a expressividade da categoria para o fortalecimento da economia.

“Esses trabalhadores e trabalhadoras usam seus salários e benefícios, tantas vezes negociados pelo Sindicato dos Metalúrgicos, nos comércios da cidade. Desta forma, é um dinheiro que circula dentro do município e colabora para que a economia regional e local esteja aquecida”, argumenta Izídio de Brito.

Durante o bate-papo desta tarde, Rodrigo Andrade colocou a prefeitura à disposição para mediar e participar de futuras reuniões que possam surgir sobre investimentos da indústria metalúrgica na cidade.

Os representantes do SMetal também foram enfáticos e defenderam, desde o começo da reunião, a postura de diálogo como forma de alcançar conquistas para a classe trabalhadora. “Somente com a conversa poderemos construir um futuro próspero para os metalúrgicos e metalúrgicas da cidade”, finaliza Roberto Rodrigues, dirigente responsável por negociações em diversas empresas de Araçariguama.

*matéria publicada no site do Smetal

 

Com a Palavra

TER, 16 de fev / 2021

Por que é necessário nacionalizar a Ford e criar uma montadora brasileira?

Escrito pelo diretor executivo do Sindicato e presidente do Industriall-Brasil, Aroaldo Oliveira da Silva, e pelo presidente da Central de Cooperativas Unisol Brasil e diretor da Unicopas, Leonardo Pinho

Entidades e Empresas

Entidades

Notícias sobre entidades filiadas e parceiras da CNM/CUT:

Empresas

Informações sobre as empresas em que a CNM/CUT constrói uma organização nacional dos trabalhadores:

CNM/CUT por e-mail

Receba informações da CNM/CUT diretamente em seu e-mail:

Enviando...
Email cadastrado com sucesso!

Redes e blogs

Cálculos

Calcule reajustes salariais e o tempo que falta para sua aposentadoria:

Publicações

383 - ASSEMBLEIA GERAL VIRTUAL APROVA PROPOSTA DE REAJUSTE | Cláusulas Sociais estão renovadas até 2022

383 - ASSEMBLEIA GERAL VIRTUAL APROVA PROPOSTA DE REAJUSTE | Cláusulas Sociais estão renovadas até 2022 - Edição Nº SET/2020
25 de set / 2020

CNM/CUT - Confederação Nacional dos Metalúrgicos
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP (55) 11 4122-7700 cnmcut@cnmcut.org.br
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - CEP: 09726-150 - São Bernardo do Campo - SP

Saiba como chegar a CNM/CUT


(55) 11 4122-7700